Notícias

Foto 03

Confirmado na Rio 2016, Guilherme Toldo compete em quatro países antes dos Jogos


O esgrimista Guilherme Toldo vive um momento especial na carreira. Garantiu a vaga nos Jogos Olímpicos Rio 2016, tanto na prova individual como por equipes. Porém, antes de competir o maior evento esportivo do mundo, o esgrimista terá uma série de competições em três continentes, começando pela Europa.

“Já tinha em mente que teria essa sequência, me preparei bem para isso. Um desafio será cuidar do físico e do cansaço com vários vôos e escalas. Mas estou bem motivado, é uma época chave antes dos Jogos”, afirmou Guilherme logo antes do embarque à Rússia.

Em São Petersburgo, Guilherme vai disputar a Copa do Mundo nesta sexta (13) e sábado (14). Depois, viaja para Shanghai para participar do Grand Prix na primeira semana de junho. Segue para Roma para o Campeonato Italiano, de 9 a 12 de junho e, por último, vai jogar no Pan-Americano no Panamá, entre os dias 20 e 26 de junho. O atleta chega ao Brasil a duas semanas da Cerimônia de Abertura.

Falando em grandes eventos da Esgrima, Guilherme já possui uma boa experiência no assunto. Ele conquistou duas medalhas de bronze nos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara 2011 e uma de prata em Toronto 2015. Nas Olimpíadas de Londres, chegou nas oitavas de final.

O atleta falou sobre as mudanças que passou de Londres, até hoje. “Uma das maiores diferenças, não só como esgrimista, mas como pessoa, foi meu crescimento pessoal. Me mudei para a Itália sozinho, com 19 para 20 anos, com outra cultura e foi muito difícil no início, passei por vários problemas. Acho que isso me fortaleceu e me fez tornar uma pessoa muito mais madura e mais responsável mais cedo e me sinto orgulhoso pelo caminho que eu escolhi, que está me dando frutos agora”.

Sobre mudanças no jogo, o atleta falou que com a mudança de país, mudou o estilo de jogo, treinamentos e objetivos e que passou por uma restruturação interessante, se tornando um atleta mais profissional. “Sobre a parte técnica, mudei completamente, acabei absorvendo mesmo a esgrima italiana”, finalizou Guilherme.

(Foto: Reprodução)


  • 13 de maio de 2016