Notícias

Manual da Esgrima: saiba todas as regras


A prática da esgrima tem a sua origem na Idade Média, onde havia competições de lutas com sabre e espada, e tornou-se esporte olímpico desde 1896, em Atenas. Embora faça parte dos Jogos Olímpicos, a esgrima ainda é pouco popular no Brasil.

 

Apenas nos Jogos Olímpico do Rio de Janeiro a esgrima foi ter um pouco mais de atenção, por conta do bom desempenho do esgrimista brasileiro Guilherme Toldo, que terminou na oitava colocação.

 

Para você que ainda não conhece a esgrima, este post irá explicar tudo o que você precisa saber sobre o esporte. Confira todas as regras da esgrima!

 

Qual o objetivo?

 

A esgrima é praticada por homens e mulheres, onde cada um possui uma arma branca (sabre, florete ou espada) e tem objetivo de acertar o seu adversário. O ponto onde é permitido o contato varia de acordo com a arma, assim como a formato de disputa (individual ou por equipe). Saiba mais! 

 

Qual o equipamento utilizado?

 

O atleta utiliza máscara, luvas, jaqueta, protetores corporais e as armas utilizadas para atacar e defender. Na categoria feminina, as mulheres também possuem um protetor para os seios.

 

Onde é competido?

 

A esgrima é disputada em uma pista que possui de 1,5m a 2,0m de largura e 14m de comprimento. No centro dela tem uma linha para dividir o espaço de competição em dois lados iguais.

 

Como os pontos são marcados?

 

Cada toque no ponto de contato correto é somado um ponto para o atleta que atacou. Na pista possui um sistema eletrônico que auxilia na marcação dos pontos, o sistema alerta sempre que um atleta é tocado pela arma e deixa a decisão final para o árbitro definir se foi toque válido ou não.

 

Quanto tempo dura uma luta?

 

Uma competição de esgrima é dividida por fase classificatória e fase eliminatória. Na fase classificatória, os combates duram três minutos e ganha quem fizer cinco pontos.

 

Na fase eliminatória, uma luta é dividida em três tempos, que duram três minutos cada. O primeiro atleta a atingir 15 pontos vence o confronto. Se a luta terminar e ninguém tiver alcançado a pontuação, a vitória é de quem tiver mais pontos.

 

Em caso de empate, será disputado uma prorrogação de 1 minuto. O primeiro a pontuar avança. Esse formato é valido para toda luta.

 

[Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil]


  • 23 de outubro de 2018